Radialista baiano tenta pôr fim à vida dentro do Amigão.

Uma tentativa de suicídio chocou cronistas esportivos e funcionários do Estádio Amigão na noite de domingo (11.06.) após o empate em O a O entre Campinense e Fluminense-BA. Minutos depois do encerramento da partida, o comentarista Aristeu das Mercês Ramos, de 53 anos, da Rádio Sociedade de Feira de Santana, dirigiu-se ao banheiro masculino que fica no setor das cabines de imprensa e usou o cinto para tentar se matar. Ele foi salvo por um companheiro de equipe, o repórter Miro Nascimento, que estava retornando do gramado para a cabine e, ao entrar no banheiro antes disso, deparou-se com o fato. Miro gritou por socorro e com a ajuda de radialistas campinenses conseguiu suspender Aristeu e afrouxar o cinto. Policiais que estavam trabalhando na escolta do Fluminense de Feira foram acionados e imediatamente chegaram ao local. As ambulâncias que estavam no estádio para a realização da partida já haviam deixado a praça esportiva. O Samu foi chamado e socorreu Aristeu, que foi levado para o Hospital de Trauma de Campina Grande. Ele está na área vermelha da unidade hospitalar em estado grave, porém reagindo lentamente.

Estádio “Amigão” em Campina Grande-Paraiba. (Foto Divulgação)

Deixe uma resposta