Prefeitura de Jequié inicia recuperação do canal do Rio Jequiezinho

 Com a completa ausência de manutenção, associada a erosão causada pelas águas das chuvas e cheias dos últimos anos, o canal do Rio Jequiezinho, construído há mais de 30 anos, se desgastou, surgindo crateras no lastro do canal, provocando acúmulo de água e detritos, principalmente quando está seco. Esses buracos acabam formando “lagoas” de água parada dentro do canal do Rio Jequiezinho, sendo local ideal para que o mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue zika e chikungunya, se prolifere. Uma equipe técnica da Secretaria de Serviços Públicos da Prefeitura de Jequié percorreu toda a extensão do canal, averiguando as áreas danificadas e coletando dados sobre sua estrutura. Com a identificação dos problemas de ordem estrutural, verificou-se a existência de rachaduras no piso e valas que poderiam ocasionar mais erosões. Para evitar que desgastes maiores possam ocorrer, vindo a prejudicar o canal ou ocasionar o desabamento na sua estrutura, uma equipe da Secretaria de Serviços Públicos deu início ao reparo preventivo, fazendo a recomposição do piso e restauração dos trechos atingidos pela erosão. Ao final o projeto de restauração incluirá, ainda, a instalação de filtros de decantação, que auxiliarão na manutenção da filtragem da água. Com a reconstrução do canal, as águas deverão seguir o percurso normal, sem ficar com partes empoçadas, com água parada, diminuindo assim os nascedouros de mosquitos, tão comuns nos períodos do verão.Serviço no canal do Rio Jequiezinho está ficando bom. (Foto Divulgação).

 

Deixe uma resposta