Mistério na morte de irmãos em Ipiaú

A Policia Civil no município de Ipiaú esta buscando explicações para as mortes dos irmãos Charles Alves de Figueiredo, de 42 anos anos e Taíze Alves de Figueiredo, de 36 anos, que foram encontrados mortos no quarto de uma pousada localizada entre a Rua Tomé de Souza e Praça do Cinquentenário em Ipiaú. O blog Giro Ipiaú na sua matéria obteve informações junto ao delegado Rodrigo Fernando que os corpos dos irmãos possuía marcas das aplicações das seringas. A polícia acredita em duplo suicídio. Após perícia realizada no local pelo DPT, os corpos foram encaminhados para o IML de Jequié onde foram posteriormente liberados para o sepultamento. O mistério fica por conta do motivo (os) que os irmãos teriam para leva-los “ao suicídio”, na matéria do Giro Ipiaú consta que:  familiares que já procuravam pelos irmãos desde a noite de segunda-feira (11.06.), se dirigiram até o local (pousada) e fizeram o reconhecimento. De acordo com relatos de pessoas próximas à família, Taíze e Charles tinham sinais de depressão. O caso abalou a comunidade de Ipiaú. Conforme apurou a reportagem do Giro Ipiaú, Charles era professor de um colégio estadual no município de Canavieiras, onde residia. Ele teria chegado em Ipiaú na segunda-feira, para visitar os familiares, e saiu de casa no final da manhã na companhia da irmã. O funcionário da Pousada, localizada entre a Rua Tomé de Souza e Praça do Cinquentenário, disse à polícia que eles deram entrada no quarto por volta das 13h de segunda-feira, somente na terça-feira (12.06.) foram encontrados mortos.Os irmãos Taíze e Charles encontrados mortos no quarto de uma pousada em Ipiaú. (Foto blog Giro Ipiaú).Seringas e medicamentos foram encontrados pela policia no quarto onde estavam os corpos. (Foto blog Giro Ipiaú).

 

 

Deixe uma resposta