A SEMANA

Estamos no sétimo mês do ano de 2018-Julho, já passamos da metade do ano entre os dias 1º e 2 de julho, entramos no segundo semestre. Como tenho dito aqui neste comentário semanal as coisas não tem melhorado para o povo brasileiro, e o nosso país vive um dos piores momentos de sua economia em comparação aos países desenvolvidos. Pior ainda a nossa situação politica com um presidente “tampão” que vai continuar até o final do seu mandato em dezembro, tendo todos nós brasileiros que enfrentar a sua politica/administrativa. Uma situação critica e preocupante que não chama atenção do povo, somos 207,7 milhões de brasileiros, onde menos de 1% esta acompanhando o momento politico e econômico porque passamos. Mas com certeza 99% esta sofrendo com as consequências, com aumento do desemprego, a saúde e educação em situação critica, segurança público em flagelos, as drogas tomando conta dos nossos jovens, muito sofrimento. O pior com as três esferas: executivo, legislativo e judiciário não se entendem,  o que acontece, vai se perdendo as forças e o respeito. A sequência de seis arquivamentos de inquéritos por ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) em um período de um mês deixou em alerta procuradores e delegados da PF (Polícia Federal) que atuam na Operação Lava Jato. Os reveses, para representantes da PF e do Ministério Público Federal, significam um obstáculo às investigações ,que chegam a uma fase decisiva na Corte, e põem em xeque o potencial da delação da Odebrecht. Nos bastidores da PF, os episódios reforçam o receio de que o acordo de delação da Odebrecht, fechado em dezembro de 2016 pelo então procurador geral da República, Rodrigo Janot, tenha falhas que comprometam o avanço de uma parceladas investigações da Lava Jato. E ai vamos para onde? Em quem acreditar? Este é o clima que estamos vivendo lá por Brasilia. Na Bahia o governador Rui Costa fechou a sua chapa mesmo contrariando muitos aliados principalmente  ligados a senadora Lidice da Mata, que já esta jogando a toalha e não quer concorrer a uma vaga na câmara federal. Mas assegura que vai apoiar a chapa do governador excluindo apenas o pre candidato ao senado Angelo Coronel, coisas da politica que poderão ser consertadas lá adiante. Em Jequié as disputas nos bastidores da politica entre os pre candidatos a deputado estadual, a saída do deputado estadual Leur Lomanto Júnior, que vai concorrer a uma vaga na câmara federal, surgiram nomes novos como dos vereadores Soldado Gilvan e Careca. As disputas estão voltadas para o deputado federal Roberto Britto que tenta ser eleito deputado estadual, o deputado Euclides Fernandes que conta com apoios importantes a exemplo da primeira dama do estado Srª Aline Peixoto e vários vereadores da câmara de Jequié, e o ex-prefeito de Lafaiete Coutinho Zé Cocá que quer “beliscar” votos do colégio eleitoral de Jequié. Um outro candidato esta concorrendo mas ele deixou claro para este colunista que não faz questão que cite seu nome, como ele disse: “Você cuida da sua vida que eu cuido da minha”. Feito! O prefeito de Jequié Sergio da Gameleira, continua sua luta, para melhorar a imagem do seu governo, são reuniões com os vereadores da base, com empresários de vários setores, logo vai esta com a imprensa. Falta pouco para chegar a metade do governo  tem que dar a volta por cima para marcar a sua passagem na história do município de Jequié. A seleção brasileira de futebol se despediu da copa do mundo na Russia, ao perder para Bélgica por 2 a 1, chegando a dar esperanças aos torcedores brasileiros que poderia chegar mais perto do titulo. Todos nós chegamos acreditar colocando as bandeiras nos carros, motos, bicicletas, janelas e por ai a fora…Não deu. Volta tudo ao normal, sem mais feriados em dias uteis, com todos os problemas acumulados. É a vida do brasileiro. Que todos tenham uma ótima semana e muita saúde…

Deixe uma resposta