A SEMANA

Chegamos ao nono mês do ano de 2018 – Setembro, contagem regressiva para as eleições de 7 de outubro, pouco tempo para os eleitores escolherem seus candidatos para presidente, senadores, deputado federal, governador e deputado estadual. Decisão importante, porque as eleições de 2014 revelou um lado da politica que trouxe sérias consequências, que vem trazendo muitos problemas, principalmente na economia do Brasil, com este governo que ai esta, um vice-presidente que não foi votado, mais foi escolhido junto com a presidente Dilma Rosseff  que se meteu em irregularidades que culminou com seu afastamento, entrando o vice-presidente que não melhorou em nada muito pelo contrario esta levando o nosso povo para o fundo do poço. Pesquisas, debates, apresentações em canais de televisão e emissoras de radio, os candidatos a presidente até agora não trouxe nada de novo. , Geraldo Alckmin deixou o cargo de governador de São Paulo para sair candidato, nas suas falas não diz nada que seja novidade, mas sempre prometendo resolver. Ciro Gomes ex-tudo: ministro, governador do Ceará, deputado federal, mostra muita arrogância, mais no mesmo caminho de Alckmin, uma linguagem parecida. Marina da Silva, permanece com a sua fala de sempre, tratando do meio ambiente de quando foi candidata pelo PV, preocupada com a situação da mulher, mais falta o principal que é resolver os problemas mais sérios do Brasil. Jair Bolsonaro, um nome novo como candidato a presidente da republica, mais velho conhecido da politica em Brasilia com 7 mandatos de deputado federal. Aparece com “tiradas” principalmente com assuntos polêmicos como na segurança pública. Outros candidatos estão concorrendo  não da para lembrar de todos, o ex-ministro da fazenda Henrique Meirelles candidato do presidente Michel Temer, que não deve ir a lugar nenhum, senador Alvaro Dias que se notabiliza pela forma correta de tratar a coisa pública, mas nas pesquisas esta lá atras. Sem novidades e como já escrevi neste espaço  a situação em que se encontra o Brasil nenhum deles, tem condições de resolver em quatro anos (2019/2022), todos os problemas. Não quero ser pessimista mais estamos num “beco sem saída” o que vai acontecer a partir do dia 1º de janeiro de 2019 só Deus sabe. Na Bahia para os aliados do governador Rui Costa a fatura já esta liquidada, tem até quem acredite que a diferença entre o governador e os demais candidatos vai ser muito grande. Mas ele pessoalmente não esta descuidando da campanha porque na politica tem um ditado muito parecido com o futebol: “o jogo só termina aos 45 minutos do segundo tempo” e hoje com as prorrogações que os árbitros vem dando pode ser até mais. Até onde conheço o candidato José Ronaldo tem todas as condições de administrar o estado da Bahia, pela sua competência e honradez com que dirigiu o maior município do interior Feira de Santana, por três vezes. O apoio que ele recebe (José Ronaldo) do prefeito de Salvador ACM Neto só iremos conhecer quando abrirem as urnas de Salvador no dia 7 de outubro, vamos ficar sabendo se realmente ele tem poder de transferir votos. No interior existem muitos apoios de prefeitos que não estão nada satisfeitos com o governador RC, o sentimento de mudança existe, mais o governador soube usar a maquina estadual e tem também apoios importantes. Não estaria cego para dizer que neste momento José Ronaldo ganharia para Rui Costa mais já vi eleições mudarem  até no dia. Se vai existir algum fato novo não sei, o governador perde um grande apoio que seria Lula candidato, e corre um sério risco de não contar com o governo federal no seu segundo mandato, tudo isso pode passar pela cabeça de um grande número de eleitores. Em Jequié o prefeito Sergio da Gameleira vai tentando, se safar dos maus momentos que sua administração passa, com denuncias, gravações exibidas por uma delegada da Policia Federal, licitações da coleta do lixo e por ai vai… A presença de pessoas dentro da administração municipal que só querem ganhar contratos com altos valores para manter seus padrões de vidas, sem ajudar em nada o prefeito, pelo contrario, leva ele para esta situação. A quem diga que após o dia 7 de outubro muita coisa pode acontecer na politica de Jequié, vamos esperar para ver. Tenham todos uma ótima semana e muita saúde…

Deixe uma resposta