Boletim 4×4: Dois dias de 4×4 na Chapada e em Jequié.

Você tem um veículo off road e ainda não sabe o que fazer no próximo feriadão? É só se ligar nas dicas do Boletim 4×4 desta semana. Destacamos nesta edição um rally em plena Chapada Diamantina, pedida ideal para quem deseja participar de uma competição do tipo pela primeira vez. Se você prefere uma trilha, tem a opção do Jeep Sol, evento que acontece em Jequié também no feriadão. A coluna aborda ainda a comemoração pelos 5 anos do Arena Off Road, nesta sexta-feira (05.10.), e mostra o último capítulo da resenha sobre a Expedição Etílica da Independência (finalmente a parte do vinho). Mas não é só isso. O Boletim 4×4 está imperdível!

Rally vai passar pelos municípios de Lençóis, Andaraí, Palmeiras e Iraquara. Foto: Carlos Martinatti
Haverá dois dias de rally de regularidade na Chapada Diamantina no próximo feriadão. Serão 11 horas de prova, em 12 e 13 de outubro, num evento organizado pelo Território Amarok, com o apoio do Club Amarok Bahia. Embora haja espaço para os graduados, o rally na Chapada tem como público alvo o competidor iniciante, tanto proprietários da marca quanto de qualquer outro veículo 4×4. As inscrições custam R$300 e ainda estão abertas.  A base será a cidade de Lençóis, com recepção no dia 11, a partir das 17h, na Casa de Cultura Afrânio Peixoto, onde vai acontecer a vistoria dos carros, apresentação do briefing do evento e aula de navegação. Serão três categorias: Turismo Light – Amarok (para proprietários do modelo), Turismo Light – Amigos (para donos de outros carros) e Graduado (para pilotos e/ou navegadores filiados a uma federação estadual de automobilismo).
Cartões postais da Chapada Diamantina estarão no visual de competidores. Foto: Carlos Martinatti
A largada vai acontecer no dia 12, a partir das 9h, com 5 horas de rally passando por locais da zona rural de Lençóis e Andaraí. Dá para ir de viatura original, segundo a organização. No dia seguinte, serão 6 horas de competição, com largada no mesmo horário, passando por trechos em Lençóis, Palmeiras e Iraquara.  “Apesar de termos uma categoria para graduados, todo o rally está voltada para aquela dupla iniciante em rally, inclusive as médias de velocidade. O foco do evento é este público. Além da competição em si, reservamos um tempo para conhecer alguns cartões postais da Chapada Diamantina, como o Poço Azul e a Gruta da Lapa Doce”, conta Carlos Martinatti, diretor da prova.  Há ainda 30 vagas para proprietários de Amarok e 15 para donos de outros modelos de viatura. A hospedagem e a alimentação fica por conta da dupla competidora (piloto e navegador). Clique aqui para saber todas as informações a respeito do evento. 

Deixe uma resposta