Situação critica na nascente do rio Jequiezinho.

O professor Ricardo Juca Chagas da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB, representante da universidade no Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Contas, como ambientalista chamou atenção da situação em que se encontra  o Rio Jequiezinho, desde a sua nascente no município de Lafaiete Coutinho em todo seu percurso principalmente na passagem pela zona urbana em Jequié onde acontece uma grande degradação. Existe a necessidade urgente da preservação do meio ambiente na nascente do rio Jequiezinho, entende o profº Ricardo Chagas, que não está sendo bem cuidado, sendo uma região da caatinga precisa ser melhor cuidado a sua biodiversidade. Ele fala também sobre a situação do rio na zona urbana em Jequié onde não tem recebido os cuidados por parte da população e das autoridades, existindo todo tipo de despejos afetando o rio Jequiezinho. A continuação desta situação vai fazer com que em pouco tempo o rio venha a morrer trazendo sérios problemas para o meio ambiente e deixando a população sem um dos seus principais fornecedores de água.                                              Rio Jequiezinho sofre com o descaso por parte do homem. (Foto Produção).

Deixe uma resposta