Bahia tem 28 cidades com mais eleitores que habitantes. Maracás está na lista.

A Bahia tem 28 cidades com mais eleitores que habitantes. É o que mostra um levantamento do G1 com base nos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Maetinga, que tem 7.175 eleitores registrados, mas apenas 2.764 habitantes, é a segunda do Brasil com a maior diferença proporcional. A cidade baiana só fica atrás de Severiano Melo (RN), que tem 6.482 eleitores registrados, mas apenas 2.088 habitantes, segundo estimativa do IBGE divulgada em julho de 2020. O número de pessoas aptas a votar na cidade baiana, portanto, equivale a 259% da população. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), na Bahia, estão cadastrados 10.893.320 eleitores para as votações deste ano em 417 municípios. As eleições estão marcadas para o dia 15 de novembro. No total são 24.888 eleitores a mais nesses 28 municípios. Maracás tem 21.605 eleitores, enquanto que a cidade tem 20.393 habitantes. Já Serra Preta tem 17.414 habitantes e 14.699 eleitores. Coaraci e Tremedal têm 16.876 e 16.377 eleitores com 16.549 e 16.189 habitantes, respectivamente. Entre as 10 cidades do Brasil que registraram o maior número absoluto de eleitores a mais que habitantes estão quatro municípios baianos, são eles: Maetinga (4.411), Serra Preta (2.715), Ribeirão do Largo (2.635), Potiraguá (2.295).

      Em Maracás a população é menor do que o número de eleitores. Porque? (Foto Reprodução).

Redação

Deixe uma resposta