Barragem de Pedras chega hoje a vazão de 60m³/segundos

Como foi programado pela CHESF e divulgado para os órgãos oficias e a imprensa da região, o controle da vazão da Barragem de Pedras no Rio de Contas, teve o aumento para 60m³/segundo desde as primeiras horas desta sexta-feira (20.11.). Na programação elaborada pela CHESF ficou definido que: na quarta-feira (18.11.) seria aumentando para 20m³/segundos a vazão normal estava em torno de 7m³/segundo. Na quinta-feira (19.11.) foi aumentado para 40m³/segundos e na sexta-feira para 60m³/segundos. Na informação não consta que seria aberta alguma comporta a reportagem deste blog procurou se informar e tomou conhecimento que está sendo feita a liberação de água através da “descarga de fundo” (foto) e que deve continuar até a situação se normalizar. No ofício a CHESF informa que a cota 222,91 m, com um armazenamento correspondente a 64,02% do volume útil (VU), estaria dentro do limite para que fosse tomada essa providencia. A reportagem também foi informada que tem chovido nos municípios onde tem rios, riachos e afluentes que despejam no Rio das Contas, podendo aumentar a quantidade de águas na montante da barragem de Pedras. Mas toda a situação esta sobre controle sem nenhum motivo de alarde ou preocupação é o que informa a presidente do Comitê Hidrográfico da Bacia do Rio das Contas, Rita Braga.

Vazão na Barragem de Pedras está sendo feita por um só lugar sem maiores problemas. (Foto Salvador F. Costa)

 

Redação

Deixe uma resposta