Rio Jequiezinho abandonado se transforma em “esgoto a céu aberto”

O Rio Jequiezinho que corta dois municípios Lafaiete Coutinho e Jequié numa extensão de aproximadamente 80 Km, pouco tem chamado atenção das autoridades sejam municipais ou estadual. Se existem as bacias do Rio São Francisco, bacia do rio das Contas porque não tem a bacia do Rio Jequiezinho? Qualquer rio tem a sua importância independente do tamanho, mesmo sendo leitos de rios temporários. Estes ambientes desempenham um importante papel não só do ponto de vista ecológico, pois funcionam como refúgio para a fauna e flora da região, bem como para a sobrevivência das populações humanas que vivem no semi-árido brasileiro. A reportagem deste blog tomou conhecimento que apenas um estudo realizado pelo professor Ricardo Juca Chagas da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-UESB, representante da universidade no Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Contas, como ambientalista chamou atenção da situação em que se encontra  o Rio Jequiezinho, desde a sua nascente no município de Lafaiete Coutinho em todo seu percurso principalmente na passagem pela zona urbana em Jequié onde acontece uma grande degradação (foto). Inclusive este blog publicou matéria em abril de 2019 sobre o assunto e de lá para cá nada foi feito. A Bacia Hidrográfica do Rio Jequiezinho é uma sub-bacia da margem esquerda do Rio de Contas. Apresenta uma área de drenagem com cerca de 1339 Km² é formada por rios temporários, sendo que os principais rios que compõem esta bacia são o Rio Jequiezinho,  Rio Conceição e o Rio Patí. No estudo realizado o profº Juca Chagas aprofundou em detalhes como a existência de poços em várias partes do rio, tipos de peixes e suas características e importunância. Na última enchente que o rio Jequiezinho promoveu no inicio dos anos 90, teriam acontecido rompimentos de pequenas barragens nas fazendas por onde ele passa com o volume das chuvas na época inundando a parte baixa em Jequié. Hoje o rio Jequiezinho é considerado morto estando mais para um “esgoto a céu aberto”. Lamentável!

Rio Jequiezinho abandonado pelas autoridades e pela população. (Foto Agência AM).

Redação

Deixe uma resposta