Jequié conta com vários imóveis fechados no centro da cidade.

setor imobiliário  é um ramo do setor secundário da economia, que são basicamente as atividades industriais, não confundindo com o chamado segundo setor, que lida com a produção e a comercialização (neste caso a compra, a venda e o aluguel) dos bens imóveis. Desde a sua constituição (124 anos) o municipio de Jequié sempre teve imoveis (casas, terrenos e outros…) para serem comercializados. Os negocios eram realizados pelos proprios donos, que davam o preço e concluíam a transação. Uma forma que foi se modificando ao longo dos anos, chegando aos tempos atuais que contam com corretores, empresas especializadas, escritórios que assume a negociação. Para isso é exigido que a pessoa ou empresa esteja credenciada através do Creci – Conselho Regional de Corretores de Imóveis, para assegurar a quem quer vender ou comprar um imóvel (casa ou terreno) esteja protegido de qualquer tipo de irregularidade. Hoje no municipio de Jequié o número de pessoas e escritórios de corretores cresceu bastante principalmente com instalação de loteamentos, condomínios e residenciais. Não se pode negar que o setor imobiliário cresceu muito mas em certos locais de forma desordenada sem obedecer um Plano Diretor que deixou de existir a muito tempo em Jequié. A reportagem deste blog numa rápida passagem pelo centro da cidade registrou imóveis que estão praticamente abandonados (Foto), quando poderiam ser comercializados e dado uma melhor destinação.

Imóvel no centro de Jequié se encontra fechado a vários anos. (Foto Agência AM).

 

Redação

Deixe uma resposta