Esta comprovado: Segurança Pública na Bahia está comprometida.

Dois policiais militares foram mortos na Rua Vereador Zezeu Ribeiro, no bairro da Fazenda Grande I, em Salvador, enquanto voltavam do velório do soldado Alexandre Menezes, na noite de domingo (08.05.). A dupla estava à paisana. As vítimas foram Vitor Vieira Ferreira Cruz e Sanderson Lopes Ferreira. Moradores da região chamaram a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que prestou atendimento e socorreu os dois PMs para o Hospital Municipal de Salvador. Eles não resistiram aos ferimentos. A PM não detalhou se os dois militares estavam a pé ou de carro. Também não há detalhes sobre as circunstâncias do crime, se houve troca de tiros, tentativa de assalto ou se os policiais foram executados.

RESPOSTA:

Dois homens morreram após confronto com a Polícia Militar, na segunda-feira (09.05.), entre os bairros Águas Claras e Cajazeiras, em Salvador. Outros dois foram baleados e levados para unidade médica, sob custódia. Há suspeita de que eles tiveram envolvimento com o assassinato do soldado Alexandre Menezes, ocorrido na noite de sábado (07.05.), na capital baiana. A situação escalou na noite de domingo (08.05.), quando os policiais militares Vitor Vieira Ferreira Cruz e Sanderson Lopes Ferreira foram assassinados ao deixar o enterro de Alexandre, no bairro da Fazenda Grande 1.  Segundo o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Paulo Coutinho, toda a corporação está mobilizada nas buscas dos envolvidos nos três homicídios.

CONCURSO:

Mais 2 mil policiais militares vão reforçar o efetivo da corporação, a partir do próximo ano. O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa, na segunda-feira (09.05.), durante a cerimônia de formatura de 917 novos soldados, na Vila Militar dos Dendezeiros, em Salvador. Sabendo todos os baianos que esta conta quem vai pagar será o próximo governador, porque tudo que está agora sendo anunciado que será feito na Bahia, quem vai pagar será os próximos governos.

Policiais foram assassinados quando retornavam de enterro de colega (Reprodução TV Bahia).

 

Redação

Deixe uma resposta